FundaÁ„o Prů-Memůria de S„o Carlos

Projetos Especiais



- Projeto de Segurança e Combate a Incêndios

O projeto técnico teve por finalidade a implantação de dispositivos de segurança e combate a incêndios no edifício da Estação Ferroviária de São Carlos.


Esses dispositivos s√£o necess√°rios de acordo com o enquadramento do edif√≠cio (dimens√£o e ocupa√ß√£o) e exigidos pelo Decreto Estadual No. 56.819/2011 que institui o regulamento de seguran√ßa contra inc√™ndio das edifica√ß√Ķes e √°reas de risco no Estado de S√£o Paulo e estabelece outras provid√™ncias.

 


Foram instalados e sinalizados saídas de emergência, iluminação de emergência, alarme de incêndio, extintores, hidrantes, reservatório de água, entre outros elementos exigidos.


Todas as interven√ß√Ķes foram executadas e, agora, aguardam a vistoria final do Corpo de Bombeiro para emiss√£o do alvar√°.

 

O projeto e execução dos serviços foram feitos a partir de recursos municipais.




 

- Pr√™mio Memorial Digital - Instituto Brasiliana/PETROBR√ĀS

A Funda√ß√£o Pr√≥-Mem√≥ria de S√£o Carlos concorreu com outras 19 institui√ß√Ķes p√ļblicas e privadas de todo o pa√≠s e foi classificada no Pr√™mio Mem√≥ria Digital, do Instituto Brasiliana/Petrobr√°s. As institui√ß√Ķes selecionadas receberam treinamento e equipamentos para a montagem de um laborat√≥rio de digitaliza√ß√£o, de acordo com os princ√≠pios da Carta do Recife.

¬†A Pr√≥-Mem√≥ria recebeu em comodato equipamentos para digitaliza√ß√£o, preserva√ß√£o e mapeamento de cole√ß√Ķes fotogr√°ficas hist√≥ricas de S√£o Carlos, que cont√©m pe√ßas de fot√≥grafos reconhecidos nacionalmente, como Hugo Graeser, que foi fot√≥grafo do IPHAN. A digitaliza√ß√£o permitiu o processamento de aproximadamente 40.000 imagens que foram catalogadas e disponibilizadas em espa√ßos virtuais. O projeto foi finalizado em novembro de 2017.

 


 

¬†- Conv√™nio celebrado com o IPHAN-SP, atrav√©s de sele√ß√£o do Fundo Nacional de Cultura ‚Äď projeto ‚ÄúEsta√ß√£o Cultura para Todos: acessibilidade e amplia√ß√£o de pr√°ticas culturais‚ÄĚ

O projeto previu a execução de reformas da antiga garagem, banheiros externos e duas salas de bagagem tanto para a adequação a novos usos e obras de acessibilidade para portadores de necessidades especiais (PNE).

 Na primeira etapa, foram feitas a reforma e reestruturação da garagem para a instalação de uma oficina com acessibilidade PNE; os dois sanitários externos da plataforma da estação foram reestruturados e reformados, além de ter sido criado um terceiro sanitário com acessibilidade PNE; as salas de bagagem foram reformadas e estão em fase final de adequação para receber estantes deslizantes e mobiliários pertinentes a seu novo uso.

 A segunda etapa do projeto foi construída uma rampa com cobertura de policarbonato com acessibilidade PNE. Essa rampa liga o estacionamento frontal da estação com sua plataforma de embarque.

Na √ļltima etapa de execu√ß√£o do projeto, foram instalados os pisos t√°teis na plataforma, no sagu√£o e na entrada do pr√©dio da esta√ß√£o ferrovi√°ria de S√£o Carlos. O projeto foi finalizado em julho de 2017.

 


 

- Recuperação estética da maria-fumaça de 1891

 A Locomotiva 821 Baldwin 4-4-0, datada de 1891, estacionada na plataforma da estação ferroviária, passou por um processo da recuperação estética, com o apoio da ABPF (Associação Brasileira de Preservação Ferroviária) e da ASCFer (Associação São-Carlense de Ferreomdodelismo). Visando sua conservação, foram instalados sistemas de proteção que incluíram uma cobertura e um gradil lateral.

A velha locomotiva foi uma das primeiras marias-fuma√ßas a transportar pessoas e produtos pelas estradas que passam por S√£o Carlos. Superada pelos avan√ßos tecnol√≥gicos, a m√°quina foi salva do sucateamento e doada √† cidade possivelmente no final dos anos 1960. Em 1971 registros oficiais e da imprensa local d√£o conta do assentamento da maria-fuma√ßa na pra√ßa Brasil, na vila Nery. Visando a preserva√ß√£o deste patrim√īnio s√£o-carlense, em 2009 a Prefeitura atrav√©s da Funda√ß√£o Pr√≥-Mem√≥ria transferiu para a plataforma da esta√ß√£o.

As obras de recuperação e conservação foram entregues à população em 23 de novembro de 2013.

 

Topo